Modalidade de trabalho formal sem salário garantido ganha espaço no Brasil